Sense

Não precisa falar mais nada.
Eu já senti o suficiente.

Cobranças me afastam.
E já me tornei marginal.

São tantos os que precisam do meu manual…

O que eu queria era algo simples: o dia após dia.
Sentindo suas nuances, deleitando-me com o acaso.
Eu vi a perfeição aí.

Mas veio você e me pôs a pensar.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s