Enjôo

Desarranjo.

Disfunção.

Desandou.

O frio que sinto é resultado em boa parte do fato de não ter seguido minh intuição.

Calor humano… Na temperatura de um copo de cerveja gelada.

Eu já senti isso antes.

A TPM deu as caras hoje. Tenho que conviver mensalmente com essa merda.

Essa merda que parece bruxaria.

Esse dom inevitável de ligar minhas antenas e transformá-las em supersônicas por um período.

Eu poderia julgar a natureza cruel por me escancarar os olhos sem temor diante do dia mais iluminado de todos!

Mas ela faz isso porque sabe que posso enxergar!

Sabe que a visão que eu tenho nessas horas é algo extraordinariamente e unicamente poderoso.

No mundo espiritual, antes de aterrar, tenho a impressão que pedi pra vir com a benção das mãos e o talento da visão.

Eu abri os olhos hoje e vi.

Doeu com todo o ardor da minha resistência.

Mas eu vi.

E diante de toda aquela clareza, senti frio.

E não consegui dormir.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s